nós somos um

30/03/2011

dimensão

 
- João, tenho uma duvida. Hoje sonhei com uma coisa, ando aterrorizada, foi muito feio, este sonho, sabes parecia real, e tinha vida, e não tinha uma pequena falha sabes.
- Diz princesa, o que se passou? Algo de grave, posso ajudar?
- Podes, podes sim. És tu o único que pode ajudar.
- Estou aqui, neste “local” para isso.
-Neste local, ã? Como assim? Não percebi.
- Princesa…
- Esquece! Hoje, no sonho, tu dizias-me que já não me amavas e que eu era passado. Que não passei de uma miúda com quem tu curtiste. Diz-me que não foi isso. Diz-me. Diz-me ! E só mais uma coisa, depois beija-me.
- Princesa, meu amor, neste “local” és tu que decides o que eu digo, por isso sim, não foi isso que aconteceu. Eu amo-te, sempre.
- João! Não percebo, isso do local ? Promete-me que vais sentir isso sempre por mim,  e que sempre que me beijares os teus olhos vão brilhar, e tu vais sorrir, vais sorrir só para mim, cada vez mais.
- Neste local, eu prometo e beijo-te e sorrio sempre só para ti.
- João, que é isto do local ?  Não percebo.  Princesa, o sonho é teu, és tu que sabes, não eu.

4 comentários: